Livresco’s Weblog

O que vou lendo por ai…

Manuel António Pina: Vital, o “amordaçado”

Aproveitando sofregamente a circunstância de Paulo Rangel, cabeça de lista do PSD às europeias, ter usado a palavra “mordaça” para dizer que não se calaria, durante a campanha, sobre questões nacionais, Vital Moreira, o tal candidato “independente” do PS – crendo, como na fábula, que era algum bago -, veio auto-medalhar-se com o facto de que ele é que sabe “o que é suportar mordaça” pois terá “suportado mordaça” durante o Estado Novo, coisa de que o juvenil Rangel, na altura recém-nascido, não pode gabar-se.

Conta-se que uns irlandeses terão procurado um dia George Bernard Shaw ostentando as chagas da repressão inglesa e pedindo o seu apoio à causa republicana, e que Shaw julgou perceber em tal ostentação algum orgulho, comentando: “Não vejo que ter sido maltratado possa ser motivo de orgulho…”. O “professor de Coimbra, meu Deus!” e arrependido do PCP orgulha-se do seu passado de “amordaçado” e tenta pô-lo a render (é, pensará, um capital de credibilidade) na bolsa eleitoral. O que sempre me pergunto, em casos como o de Vital Moreira, é o que, se falasse, o seu passado diria do seu presente.

Fonte: Jornal de Notícias de 17.04.2009

Advertisements

17/04/2009 - Posted by | Política: artigos de opinião | ,

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: