Livresco’s Weblog

O que vou lendo por ai…

Editorial do DN: Três medidas, três silêncios

No debate quinzenal no Parlamento mais ideológico de que há memória, José Sócrates antecipou três medidas de apoio às PME e às famílias mais afectadas pela crise financeira. Com a agilidade retórica que foi aperfeiçoando ao longo dos três anos e meio de governação, puxou dos galões de uma esquerda reformista para declarar, à beira do colapso do sistema financeiro internacional, a falência do neoliberalismo anti-estatista (perante o silêncio dos dois partidos à direita do hemiciclo). Em seguida, lendo passagens caricaturais das teses ao próximo congresso do PCP, demarcou-se igualmente das esquerdas à esquerda do PS, que ainda não se conformaram com a queda do socialismo real em 1989 e preferem que não se saiba.

Mas, no plano das perguntas e propostas concretas de política prática, há a registar três silêncios do chefe do Governo: porque se antecipa do dia 30 para 15 de Dezembro, em cima do Natal, o pagamento especial por conta, quando as PME se confrontam com sérios apertos de tesouraria? Porque não se acelera o pagamento já atrasado de entidades públicas aos seus fornecedores privados? O que pensa fazer o Governo, que reclama uma regulação financeira, séria e efectiva à escala global, quanto aos offshores, em especial o da Madeira? Os desafios partiram das bancadas do PSD, do CDS e do BE. E mereciam uma resposta.

CONTINUA: LINK

09/10/2008 - Posted by | Política: artigos de opinião |

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: